quarta-feira, setembro 12, 2007

"ANA GOMES CRÍTICA"




"Mal soube que o governo não iria receber oficialmente o Dalai Lama, a eurodeputada socialista Ana gomes teceu, no Blog Causa Nossa, fortes críticas ao ministro dos Negócios Estrangeiros. “ O ministro é consequente com o que tem sido a diplomacia leve-leve em que se vai especializando Portugal: nada de incomodar mandarins com conversas parvas sobre direitos humanos; importa é adulá-los e acenar-lhes até com o levantamento do embargo de armas decretado pela EU à conta desse episódio “pré-histórico” do massacre de Tiananmen”. Ana Gomes foi a única socialista a contestar a decisão do governo, a qual, alias, considera que não é absoluta: acredita que Luís Amado irá proporcionar “ encontros “não oficiais” de Cavaco Silva, José Sócrates, O próprio MNE e outros dignitários com o Dalai Lama”. Após recordar os estadistas com quem se encontrou nos últimos anos, refere que “ não consta que do PM belga ao austríaco, do norueguês ao australiano, algum tenha sido comido por Pequim ao pequeno Almoço. " Noticia do Público 12 de Setembro de 2007. pág. 2

6 comentários:

o moço da bodega™ disse...

Pois parabéns a Ana Maria, caro amigo. Como pode um governo que se diz socialista, não receber um embaixador da paz?

o moço da bodega™ disse...

Ops! Ana Gomes.

(.) disse...

A questão da autenticidade em política é hoje a razão do afastamento das pessoas em relação aos políticos. Dantes estas coisas não se sabiam e não eram faladas. E a autenticidade emergia perante o povo na entrega do príncipe às suas causas. Hoje este é sem dúvida um dos maiores problemas da política.Quanto a Ana Gomes é acdima de tudo hipócrita nas críticas que faz ao foverno. Não merece o meu respeito.

A. João Soares disse...

Nem sempre concordo com Ana Gomes, mas neste caso estou com ela.
Há aqui duas atitudes: o idealismo que poderá levar à desejada paz mundial e, por outro lado, o realismo materialista e capitalista que só interessa a meia dúzia de privilegiados e não beneficia a população em geral. Dalai Lama é um Homem como devia haver muitos mais. Pensadores deste calibre merecem a consideração de todo o mundo, independentemente de religião ou credo político.
Seja bem vindo e que as suas palavras germinem nos espíritos dos poderosos.

Abraços
Do Mirante

J.G. disse...

É justamente o que eu penso: a subserviência do governo aos chineses, que fazem habitualmente pressão sobre todos os governos ocidentais em relação ás visitas do representante máximo do Tibete.
Mas, tal como afirma a incómoda Ana Gomes, não consta que Pequim tenha comido primeiros ministros europeus ao pequeno-almoço.

Ana Gomes - uma voz no deserto dos Yes, Prime-Minister do PS!

Abraço.

Ludovicus Rex disse...

Criticou e muitos bem. Onde está o Socialismo deste Governo?

Um Abraço Fraterno